Aos decepcionados de plantão

Resultado de imagem para pessoa decepcionada

Eu não sei você, mas eu já me decepcionei com alguém. Tudo bem, talvez tenha sido com a moça da cantina do colégio por demorar para me atender quando eu estava com fome, anos atrás, mas isso pouco importa. O fato é que, pelo que eu sei, todo mundo já foi decepcionado alguma vez na vida. E, convenhamos, essa sensação não é nada boa. Você deposita expectativa e esperança sobre alguém e esse alguém vai lá e estraga tudo. Ninguém merece! Mas você já parou para pensar que talvez ninguém mereça também ser depósito de esperanças de alguém? Você já tentou imaginar o peso que isso pode trazer para os ombros daquele que, talvez, não fez nada de errado?
Estou falando essas coisas porque, cada vez mais, percebo que tem muita gente decepcionada com outras gentes por aí. A verdade é que todos nós somos seres humanos, cheios de falhas e imperfeições. Sendo assim, nós podemos falhar a qualquer momento. Só que a treta começa quando falhamos com o nosso semelhante, com o nosso irmão. Como não vemos o futuro - eu ainda não vi, pelo menos -, todas essas burradas que fazemos são, geralmente, inesperadas. E é aí que a decepção vem. MANO, dá uma tristeza! A confiança no outro foi abalada, e talvez até a autoconfiança também foi. Pois é, muitos sentimentos ruins. Mas acalma o coração que tem solução. (Oh, até rimou)
Todos esses sentimentos vêm porque colocamos muita expectativa sobre outra pessoa. E para resolver isso, aqui vão duas coisas:
Primeira: você não é o que você sente. (Se quiser, fale isso em voz alta, pode ajudar mais) Os sentimentos não são tudo o que você é; eles não te definem. Você é maior que algo tão passageiro como as emoções.
Segunda: perdoe. Todos nós podemos decepcionar os outros a qualquer momento, mesmo sem querer, porque todos somos falhos. Isso não significa que não somos bons. Portanto, perdoe as outras pessoas por um possível erro, e também se perdoe caso você fez alguma escolha errada (em ações ou em sentimentos).
Sendo assim, tente não depositar muita expectativa sobre algo incerto (tudo isso vale para coisas materiais ou momentos também, não só pessoas). É melhor colocar expectativa e confiança em alguém que, com certeza - mesmo! -, não vai falhar.
De novo, eu não sei você, mas eu conheço alguém que nunca me decepcionou. Ele é perfeito. E, além de nunca ter me machucado, cuida do meu coração quando alguém o machuca. O nome dele é Deus. Apresente para Ele suas frustrações e chore (pode chorar bastante) no colo dele, porque nesse lugar você nunca vai ser decepcionado.

Talvez esse texto tenha ficado um pouco forte e da bad, mas precisamos falar sobre essas coisas. Não desanime. Coloque em Deus suas esperanças. Mas também não deixe de confiar nas pessoas; isso é importante. Agora, respire fundo e sorria, porque você não está sendo filmado. 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O segredo do amor próprio - Feliz Dia da Mulher!

RESENHA - O Poder da Língua

Minh'alma