Está tudo bem em não estar bem

Está tudo bem em não estar bem. Eu não digo no sentido de alguma doença, mas sim no sentido de não parecer com o dito "normal". O bem. O estar sempre sorrindo, "de boas". Quando temos um relacionamento com Deus, não podemos fingir. Não podemos ser de mentira diante dEle. Ele sabe de tudo. Ele não quer que sejamos fortes diante dEle; Ele quer que sejamos dependentes e entregues. Como Ele vai trabalhar em nós todas as fraquezas, como Ele vai nos ajudar, se colocamos uma armadura quando vamos nos encontrar com Ele?
Em Mateus 5:4 diz: Bem aventurados os que choram, pois serão consolados. É bom chorar. Chorar faz bem. E muitas vezes não é por uma situação específica, mas, simplesmente, porque queremos chorar. Não estou querendo dizer aqui que ficar com lacunas no coração, ficar triste, depressivo, é bom. Só que não precisamos ser fortes e estar bem o tempo todo. Sem ficar se comparando com as outras pessoas, sem ficar buscando os resultados quando ainda não trabalhamos o problema. O bom é que Ele tem a solução. A solução, na verdade, é Ele.
Todos nós temos problemas, coisas a serem resolvidas no coração. Coisas a serem resolvidas. Deus quer resolver. Mas Ele não pode chegar e arrumar tudo quando não estamos preparados. Ele tem o seu devido tempo. Porque Ele sabe. Ele sabe. Então tudo que nós precisamos fazer é ter um coração entregue a Ele e esperar. Ser vulnerável diante dEle é deixar Ele no controle. E Deus no controle, o amor de Deus... ah, isso acalma qualquer alma.
Nesse meio tempo, não tem problema ficar diferente. Não tem problema não estar bem. É bom sairmos da nossa zona de conforto. É bom avançar na maturidade (emocional e espiritual). Tudo isso pode vir a ter um propósito. Porque Ele tem um propósito em tudo que faz. E Ele quer fazer. Ele faz quando nos rendemos diante dEle.
Então está tudo bem em não estar bem.

Comentários

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O segredo do amor próprio - Feliz Dia da Mulher!

RESENHA - O Poder da Língua